adrianna-and-navid-picture_454x302

“E ele sempre volta. Não importa quantas vezes a gente tenha acabado pra sempre, ou quantos meses um não falava mais com o outro. Não importa que eu tenha emagrecido e ele, cortado o cabelo. A gente sempre acaba começando de novo. Eu sempre acabo sorrindo em resposta ao sorriso dele. E quando ele volta pra mim, meu Deus, eu me encho de paz. Ele é aquela parte que a gente só descobre que faz uma falta danada na vida, quando tem de volta. Eu entendo a expressão “… faz meu mundo girar” quando olho pra ele. Porque eu fico em câmera lenta, e o mundo, as coisas, as pessoas, tudo vira plano de fundo. E eu torço pra que ele não vá embora novamente. Porque perto dele eu sou otimista, bobinha, meio mansa, perto dele eu sou dele e o mundo fica tão simples e ao mesmo tempo, tão completo.”

Anúncios